paroles de chanson / Lynda Lemay parole / traduction Les Maudits Français  | ENin English

Traduction Les Maudits Français en Portugais

Interprète Lynda Lemay

Traduction de la chanson Les Maudits Français par Lynda Lemay officiel

Les Maudits Français : traduction de Français vers Portugais

Eles falam com palavras precisas
Depois pronunciam todas as suas sílabas
A todo momento, eles se beijam
Eles passam seus longos dias à mesa

Eles têm menus que não entendemos
Eles bebem vinho como se fosse água
Eles comem pão e foie gras
Encontrando uma maneira de não engordar

Eles fazem manifestações a cada quinze minutos
Em todas as malditas esquinas
Todos os táxis têm motoristas
Que dirigem como loucos, colados na traseira

E quando falam em vir para cá
É para o inverno ou os índios
Os longos passeios de Ski-doo
Ou ainda em trenós puxados por cães

Eles têm xícaras minúsculas
E enormes cinzeiros
Eles fazem café de verdade para adultos
Eles engolem isso em dois goles

Encontramos seus grandes pastores alemães
E seus pequenos poodles queridos
No chão dos restaurantes
Supermercados, farmácias

Eles dizem que jantam quando almoçam
E são duas horas quando tomam café da manhã
De manhã cedo, cheira a iogurte
Eles não conhecem ovos com bacon

No final da noite, não é mais chucrute
Peito de pato ou caracóis
Tudo corre bem até que provamos
Sua maldita cabeça de vitela

Um pedaço de pálpebra, um pedaço de gengiva
Um pedaço de orelha, um pedaço de focinho
Para as papilas gustativas
De um quebequense, é um pouco demais

E então, eles nos consideram um marciano
Quando pedimos um copo de leite
Ou quando perguntamos: O banheiro
Está em que lugar, por favor?

E quando eles chegam aqui
Eles pegam um gorro e um Kanuk
Começam a procurar iglus
Acabam em uma cabana de açúcar
Eles se apaixonam de imediato
Com nossas florestas e nossos lagos
E começam a falar como nós
Aprendem a dizer: Tabarnak

E bem embriagados com caribu
Com a Molson e o gin forte
Eles se maravilham com nossos ensopados
De pés de porco e nossos pratos de feijão

Como não temos queijos fedorentos
Eles se contentam com um velho cheddar
E eles não reclamam muito também
De nosso pequeno café bastardo

Quando sua estadia está chegando ao fim
Eles entenderam que não têm mais o direito
De nos chamar de canadenses
Quando somos quebequenses
Eles dizem adeus, com os olhos todos molhados
Com a mala cheia de xarope de bordo
Percebemos que somos parecidos com eles
Desejamos-lhes uma boa viagem

Chegamos ao ponto de dar beijos
Como se sempre tivéssemos feito isso
Há como um buraco no Quebec
Quando os malditos franceses partem
Droits traduction : traduction officielle en Portugais sous licence Lyricfind respectant le droit d'auteur.
Reproduction interdite sans autorisation.
Copyright: Peermusic Publishing, RAOUL BRETON EDITIONS

Commentaires sur la traduction de Les Maudits Français

Nom/Pseudo
Commentaire
Copyright © 2004-2024 NET VADOR - Tous droits réservés. www.paroles-musique.com
Problème de connexion ?
Ouvrir un compte (gratuit)
Sélectionnez dans l'ordre suivant :
1| symbole à gauche du pouce en l'air
2| symbole à droite de l'enveloppe
3| symbole à droite de l'étoile
grid grid grid
grid grid grid
grid grid grid